Que razões você tem pra Jesus te abençoar?

Procura lembrar-me; entremos em juízo juntamente; apresenta as tuas razões, para que te possa justificar” (Isaías 43.26)

A Bíblia diz que todas as coisas contribuem para o bem daqueles que amam a Deus.

Mas quem são os que amam a Deus?

Aquele que tem os meus mandamentos e os guarda, este é o que me ama; e aquele que me ama será amado de meu Pai, e eu o amarei e me manifestarei a ele” (João 14.21).

Se você tem buscado algo de Deus e confiado que Ele cumprirá o desejo do seu coração, saiba que esta esperança precisa estar baseada em atitudes de obediência ao evangelho.

“Deleita-te também no Senhor, e ele te concederá o que deseja o teu coração” (Salmos 37.4)

Se você tem se deleitado no Senhor, ou seja, tido prazer em estar com Cristo, orado, meditado e obedece à sua palavra, então fique tranquilo que até as coisas ruins que estiverem acontecendo, contribuirão para o seu bem.

O evangelho – que rege o reino de Cristo – é uma poderosa arma de guerra que, além de nos garantir a vitória e nos proporcionar toda sorte de bênçãos, nos conduz à salvação.

“Porque não me envergonho do evangelho de Cristo, pois é o poder de Deus para salvação de todo aquele que crê, primeiro do judeu e também do grego” (Romanos 1.16).

Agora, se as palavras de Cristo não estiverem seladas no seu entendimento e se você não tem feito nada, isto é, não conhece o que diz o evangelho e não segue o que Jesus falou, não apoie a sua esperança na ilusão de que Deus vai te abençoar e que estará com você. 

Para isso acontecer, você precisa fazer parte do reino de Cristo. E para fazer parte, é preciso obedecer ao evangelho.

“(...) O Senhor está convosco, enquanto vós estais com ele, e, se o buscardes, o achareis; porém, se o deixardes, vos deixará” (2 Crônicas 15.2).

Quando as palavras de Jesus estão em nós, podemos chegar com confiança ao trono da graça para que possamos alcançar misericórdia e sermos ajudados em tempo oportuno:

“Se vós estiverdes em mim, e as minhas palavras estiverem em vós, pedireis tudo o que quiserdes, e vos será feito” (João 15.7).

Lembra do Salmo 91? As palavras que estão lá são um clamor pela proteção divina, mas repare só num pequeno detalhe: 

Porque a mim se apegou com amor, eu o livrarei; pô-lo-ei a salvo, porque conhece o meu nome. Ele me invocará, e eu lhe responderei; na sua angústia eu estarei com ele, livrá-lo-ei e o glorificarei” (Salmos 91.14-15).

Perceba que a palavra é clara ao afirmar que Deus nos livrará e nos salvará se nos apegarmos a Ele com amor e se conhecermos o seu nome. Se assim procedermos, poderemos o invocar que Ele nos responderá e estará conosco na angústia.

É assim que funciona.

Porém, se não fizermos nada disso, que razões nós temos para chegar diante de Deus e clamar por sua ajuda?

Ouça "Desejo do Meu Coração" - Davi Sacer e Daniela Araújo: 

♪ Te ouvir, te conhecer / É a maior riqueza / Que um homem pode ter, Senhor / Tu cumprirás o desejo do meu coração / Se eu te buscarÉ impossível alguém estar perto de Ti / E tuas bênçãos não ter ♫

Comentários

Enviar um comentário